30 novembro 2009

Amor, Festa, Devoção















O novo Show de Maria Bethânia poderia se chamar "Amor, Festa e Perfeição" pois, só assim, consigo definir a beleza e intensidade desse magnânimo espetáculo.

Com a cortina fechada, Bethânia inicia o Show com 'Santa Bárbara', a sensação de arrepio é imediata nos primeiros acordes da canção de Roque Ferreira. O Show segue quente com as canções dos albuns "Encanteira" e "Tua" e gratas surpresas, como a música 'Queixa' do seu irmão Caetano, num delicado arranjo.

O Show tem seu ponto alto quando a Abelha Rainha canta à capela 'Explode Coração' do saudoso Gonzaguinha... O público fez um silêncio absurdo pra não perder nenhuma nuance daquela voz e, no final, extravasou com gritos e palmas, muitas palmas. Foi de chorar!

Ótimos momentos acontecem ainda no decorrer do espetáculo, como a canção 'Não Identificado', que ela oferece para mãe (presente na platéia do TCA, no Domingo, dia 22), o medley com as canções 'É o Amor' e 'Vai dar Namoro' das duplas Zezé de Camargo e Luciano e Bruno e Marrone, respectivamente. Foi um momento inusitado e muito encantador... Mais um acerto dessa incrível cantora! No final, com os fãs aglomerados na frente do palco, Maria Bethânia volta ovacionada pro Bis e canta 'Reconvexo' com muita energia, enchendo o teatro de uma áurea mágica que só uma cantora daquela grandeza consegue. Impossível não ficar com a emoção à flor da pele. Um Show afetivo, delicado e intenso... Inesquecível!

Vejam abaixo um trecho do Show:


24 novembro 2009

Prefácio













"Música A Dois" é um blog de música, feito por admiradores de músicas. Sem nenhuma intenção jornalística. É apenas um extravaso das emoções que essa música brasileira nossa consegue nos proporcionar. Espero que as emoções venham sempre com uma boa dose de paixão, humor e o mais importante: discernimento!

O Vinny tinha vontade de fazer um blog como esse já há algum tempo, mas não havia encontrado a pessoa certa para desenvolver tal coisa, mas apesar de nos conhecermos pessoalmente há mais de um ano, só recentemente nos encontramos. Como disse o poeta Vinícius de Moraes: "A vida é a arte do encontro, embora haja tantos desencontros pela vida".

Vinny é apaixonado pelo Vinícius de Moraes e a ele deve seu berço musical e seu nome. Apaixonado por Maria Bethânia, Gonzaguinha, Milton Nascimento e Rita Lee, Vinny ouve de um tudo: De Chico Buarque a Daniela Mercury, passando por Ney Matogrosso e Cássia Eller. É o ecletismo na real essência e significado deste vocábulo, muitas vezes mal empregado e interpretado!

Eu, Natival, apesar de não ter um nome inspirado em ninguém, tenho no meu berço musical, a preguiça de Dorival Caymmi. Um tanto eclético, amo mais cantoras que os cantores, assim como o Vinny. Sempre Ouvindo e Aprendendo com Bethânia, Gal, Zizi, Marisa, Zélia e mais recentemente Roberta Sá, Maria Rita e Marcia Castro.

A Paixão Pela Música É O Que Nos Move! Sejam Bem-vindos!